Entrar | Registar

visitar > museus e galerias

Torre de Belém

uma autêntica prova viva da história portuguesa

Defesa da barra do Rio Tejo, ponto de partida de muitas viagens de descobrimentos, posto de telégrafo, alfândega, farol e prisão política, a Torre de Belém foi um local de muitas utilidades. Hoje, é um dos monumentos mais emblemáticos de Lisboa e uma autêntica prova viva da história portuguesa. Vamos desbravá-la?

Construída no século XVI, durante o reinado de D. Manuel I, a Torre de Belém é considerada uma joia arquitetónica do icónico estilo manuelino. A sua arquitetura é composta por muitos símbolos nacionais e religiosos, motivos de alvenaria dos descobrimentos e animais exóticos vindo da Índia. Exemplo disso é um rinoceronte que inspirou o desenho da primeira pedra trabalhada com este efeito em toda a Europa, tornando-se uma referência dos primeiros contactos que Portugal desenvolveu com outros povos e outras culturas.

A arquitetura da torre também recebeu algumas influências árabes, devido ao conceituado arquiteto Francisco de Arruda, responsável pela construção da torre, ter trabalhado em várias fortalezas em Marrocos.

No conjunto arquitetónico da Torre de Belém há várias áreas distintas por onde é possível percorrer e imaginar-se em outros tempos.

É impossível não perceber a referência cultural que a Torre de Belém representa. Se por instantes quiser percorrer 500 anos da história de Portugal, a torre é o sítio perfeito. Para muitos portugueses marinheiros, ela foi a última vista da terra natal. Hoje, para muitos é uma vista eternizada pelo seu significado histórico, juntamente com a singularidade arquitetónica que a atribuiu a classificação como Património Cultural pela UNESCO em 1983.

Dica Cool: a simbologia própria do estilo manuelino está adornada por completo na decoração da torre. Não se despeça deste sítio sem antes apreciar os detalhes mais peculiares desta autêntica arquitetura portuguesa: cordas e elegantes nós, esferas armilares, cruzes da Ordem Militar de Cristo, imagem de São Vicente – o Santo Protetor de Lisboa e a imagem do Arcanjo São Miguel – Anjo da Guarda de Portugal. Aprecie também o terraço da torre e permita que a vista para o Rio Tejo feche com chave de ouro este passeio histórico.

Horário

Out – Abr: 10:00 – 17:30
Mai–Set: 10:00 – 18:30
Encerrado: Segunda-feira, 1 Jan, domingo de Páscoa, 1 Mai, 13 Jun e 25 Dez