5 Espaços para um brunch de fim-de-semana | Lisboa Cool
Entrar | Registar

Blog

5 Espaços para um brunch de fim-de-semana

Brunch. Breakfast + Lunch ou, por outras palavras, um pequeno-almoço tardio. A moda é relativamente recente, mas não é de agora que gostamos de juntar estas duas refeições ao fim-de-semana, depois de uma noite bem dormida.

Lisboa está cheia de espaços que servem brunch - tantos que se torna complicado escolher apenas um para visitar. Trago-vos cinco dos meus espaços favoritos para um brunch de fim-de-semana. Escolham de acordo com a companhia e o que querem gastar:

 

Para ir com os amigos | Fauna & Flora

O Fauna & Flora traz a combinação perfeita entre comida saudável e algumas guloseimas bem decadentes, perfeito para agradar a todo o grupo de amigos. Se é complicado reunir todos os amigos ao fim-de-semana, saibam que este espaço em Santos serve brunch toda a semana, durante todo o dia. Com sorte ainda podem sentar-se na mesa redonda de madeira, que em tempos já foi uma bobine gigante.

Algo imperdível: As Panquecas Green (de Matcha com lemon curd, frutos cítricos e kiwi).

 

Para ir com os miúdos | Museu do Oriente

O brunch pode não parecer um plano que entusiasme os mais pequenos, mas no último andar do Museu do Oriente o caso muda de figura. Para além de ser o paraíso gastronómico na terra, com uma combinação de iguarias portuguesas e asiáticas, no final da refeição podem continuar o dia em família nas diferentes salas e exposições do museu.

Algo imperdível: A vista do espaço.

 

Para ir a dois | O Asiático

O Chef Kiko estreou-se recentemente nestas lides do brunch e começou por introduzir esta refeição n’O Asiático, que fica na Rua da Rosa. É a oportunidade perfeita para conhecer o espaço com a luz do dia a entrar pelas janelas, o que o torna bastante romântico. Há três menus para experimentar: o Brunch Tataki, o Brunch Ramen e o Brunch Bao. Escolham qual escolherem, uma coisa é certa - poderão experimentar as melhores iguarias asiáticas que o restaurante tem para oferecer.

Algo imperdível: O Tataki de Espadarte Rosa.

 

Para viajar | Brunch do Mundo

A proposta é tentadora: viajar por um continente enquanto fazemos brunch. Duas irmãs - a Ana e a Rita - tiveram a ideia e estão à frente deste projeto, que é ideal para quem tem alma de viajante e gosta de comer. Os menus mudam com alguma frequência e é preciso reservar por e-mail para conseguir um dos 22 lugares que estão à disposição todos os sábados.

Algo imperdível: Çilbir, um ovo turco presente nos menus da Europa.

 

Para gastar pouco e comer bem | Leitaria Lisboa

É um dos melhores brunches da cidade no que diz respeito à relação qualidade-preço. Há dois espaços: o original, no Rato, e um mais recente no Cais do Sodré. Em ambos podem encontrar três menus bastante completos, disponíveis todos os dias e a todas as horas. A parte maravilhosa? Podem escolher se querem o menu para uma ou para duas pessoas!

Algo imperdível: Os iogurtes, feitos na casa.

 

Sobre a Rita da Nova

Não é o curso de jornalismo. Não é o trabalho como estratega de publicidade. Não é a vontade de ir jantar fora todos os dias. Não é o amor pelas duas gatas que tem. Não é a inquietação que sente se passa um mês sem viajar. Não é a velocidade a que devora livros. Nem sequer é o seu blog (ou Instagram) sobre comida e viagens. Não. O que realmente define Rita da Nova é a sua enorme e inabalável paixão por histórias, tenham elas que formato tiverem. Tudo o que ela faz é apenas uma maneira de viver com, dentro e perto delas.

 

 

#LISBOACOOL

#lisboacool

#lisboacool

#lisboacool

#lisboacool

#lisboacool

#lisboacool

#lisboacool

#lisboacool

#lisboacool

#lisboacool