Entrar | Registar

visitar > miradouros e jardins

Aqueduto das Águas Livres

uma obra notável de engenharia hidráulica

Já imaginou um passeio histórico com vistas ecléticas de Lisboa num único espaço? É o que oferece o Aqueduto das Águas Livres no seu troço sobre o Vale de Alcântara, que une Campolide a Monsanto. Esta é uma obra notável de engenharia hidráulica que foi construída com o propósito de trazer água para a região de Lisboa, a partir da nascente das Águas Livres, em Belas. Mas, para já… deixe de imaginar e venha conhecer!

A escassez de água potável foi uma constante em anos passados. Apesar de Lisboa crescer junto ao estuário do Rio Tejo, a sua água é imprópria para consumo, devido aos níveis de salinidade inadequados. Foi aí que a ideia de aproveitar as águas do vale da ribeira de Carenque, na região de Belas, ganhou força.

Considerada a maior obra pública de sempre em Portugal, com uma extensão de 58 km, a construção do Aqueduto das Águas Livres só foi possível graças a um imposto denominado “Real de Água”, lançado sobre bens essenciais como o azeite, o vinho e a carne. É por este motivo que a construção do Aqueduto foi considerada pela população de Lisboa como “um glorioso feito do povo”, uma vez que foi o próprio povo que financiou a obra.

Uma das curiosidades dos pormenores da arquitetura do Aqueduto é que a construção da obra incorpora dois estilos distintos: até Lisboa a estrutura utilizada na sua construção é meramente utilitária, designando-se por estilo chão. A partir do momento em que o Aqueduto entra na cidade, a estrutura sobrepõe-se à técnica, incluindo elementos decorativos barrocos. A imponente arcaria do Vale de Alcântara, que tem uma extensão de 941 metros, é composta por 35 arcos, incluindo entre estes, o maior arco ogiva em pedra do mundo, com 65,29 metros de altura e 28,86 metros de largura.

O Aqueduto das Águas Livres foi um dos maiores e mais complexos sistemas de abastecimento de água do mundo. Manteve-se em funcionamento até a década de 60, tendo sido definitivamente desativado pela Companhia das Águas de Lisboa em 1967.

O Aqueduto das Águas Livres é perfeito para quem procura um sítio histórico e com diferentes vista de Lisboa. Um passeio cool pelo caminho público por cima do Aqueduto é, sem dúvida, uma visita a não perder!

Dica Cool: não se esqueça de levar uma garrafinha para encher de água num dos bebedouros dispostos pelo aqueduto! Beba essa água com um passado histórico cool, enquanto contempla Lisboa do alto no final da tarde com um fantástico por do sol como pano de fundo.

Horário

Ter – Sab: 10:00 – 17:30 | Encerrado: 30 de Nov a 1 de Março